Aulas presenciais são suspensas em escola de Santa Rita, PB, por falta de água

  As aulas presenciais na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Enéas Carvalho foram suspensas por falta de abastecimento de água, na manhã desta segunda-feira (23), em Santa Rita, na Grande João Pessoa. Segundo o diretor da escola – que é a maior da cidade, Manoel Rodrigues, os alunos estão assistindo aulas on-line, por causa da interrupção.

De acordo com o diretor, o local já estava na reserva de água desde a última sexta-feira (20). Ele teria pedido para alguém ir na escola no domingo (22) para checar se a água já teria voltado, mas ficou sabendo que a escola ainda estava sem o abastecimento.

“A escola é muito grande, nós temos muitos alunos que vêm da zona rural. Não podemos deixá-los sem aula, por causa disso resolvemos adotar o modelo de aula on-line, para que eles não percam aulas”, lamentou o diretor.

Em nota, a empresa responsável pelo abastecimento de água em Santa Rita, ANE, informou que alguns pontos da região central de Santa Rita estão sem água devido a um reservatório que ainda não ganhou nível devido à pressurização da rede.

A ANE disse ainda que uma equipe da empresa constatou que, por volta das 11h30, desta segunda-feira (23), a água já está voltando às partes mais altas da cidade. “Neste momento, a ANE trabalha em uma solução paliativa para que a região onde fica a Escola Estadual Enéas Carvalho seja abastecida”.

Abastecimento de água em Santa Rita

A prefeitura de Santa Rita rescindiu o contrato com a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), no dia 13 deste mês. O Consórcio Águas do Nordeste (ANE) assumiu a operação de água e esgotos da cidade.

A motivação da decisão, segundo a Prefeitura de Santa Rita, é a falta de investimentos em melhorias, por parte da Cagepa, para ampliar o acesso da população ao fornecimento de água e tratamento de esgoto.

Afontepb

Postar um comentário

0 Comentários