APP PROTEJA-SE: Corujinha comemora assinatura do Termo de Cooperação para implantação do novo canal de denúncias contra violência na Capital

 

O secretário de Direitos Humanos e Cidadania de João Pessoa, João Corujinha, informou que a pasta está ampliando suas ferramentas de proteção para atender diferentes tipos de público. Nessa terça-feira (7), o prefeito em exercício, Leo Bezerra, assinou o termo de cooperação técnica do aplicativo ‘Proteja-se’, um canal de denúncias voltadas para violência contra mulher, contra criança, adolescente, pessoa com deficiência e a pessoa idosa.

“Somos a primeira capital a lançar o aplicativo, que até então só funciona no Distrito Federal. Mais uma conquista para a Sedhuc”, comemorou Corujinha. Ainda de acordo com o secretário, serão 60 dias até o lançamento do aplicativo, e nesse tempo, os funcionários vão passar por uma capacitação para entender melhor o novo serviço.

egundo o ouvidor nacional de direitos humanos, Fernando César, com o aplicativo, denunciar casos de violência será mais simples. “As denúncias de violações de direitos de todos os grupos vulneráveis, recebidos por qualquer canal vinculado à Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, como Disque 100, Ligue 180, Telegram, Whatsapp e, em breve, o aplicativo Proteja-se, sejam encaminhadas diretamente, via sistema informático, aos órgãos de enfrentamento às violações. É uma política que busca encurtar o caminho para atendimento dessas vítimas”, declarou.

Bastidores da Politica

Postar um comentário

0 Comentários