CMJP homenageia o ex-técnico da seleção de vôlei paraibano João Pereira

 

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) realizou, na manhã desta quarta-feira (10), uma sessão solene para entrega do Título de Cidadão Pessoense ao educador físico e ex-técnico da seleção paraibana de vôlei João Pereira da Silva. O vereador Marcílio do HBE (Patriota) propôs a homenagem e a solenidade, que foi secretariada pelo vereador Thiago Lucena (PRTB).  Familiares, amigos e ex-alunos do homenageado prestigiaram o evento, além dos vereadores Carlão (Patriota) e Marcos Henriques (PT).

O vereador Marcílio do HBE destacou que o homenageado se fez merecedor da honraria pelo seu extraordinário valor e serviços prestados à cidade de João Pessoa, na formação de “grandes atletas e cidadãos de bem”. “Estou mais emocionado do que João Pereira. Muita gratidão por você ter sido professor, formador, aconselhador e orientador, que contribuiu na nossa formação como cidadãos. Sempre alimentei o sonho de chegar a essa tribuna para fazer essa homenagem à sua dedicação ao vôlei de nossa cidade. Muito obrigado, em nome de todos seus ex-atletas”, justificou o propositor.

Já o vereador Thiago Lucena enfatizou que o homenageado faz parte da carreira exitosa que o voleibol paraibano tem pelo Brasil e no mundo. “Tudo que vem frutificando no vôlei de nossa cidade você tem um papel fundamental. Esse é um testemunho de um amigo, ex-aluno e vereador que traz o abraço dessa cidade onde você mora e contribui com o desenvolvimento do esporte. Parabéns!”, ensejou Thiago. Por sua vez, o vereador Carlão ressaltou que o treinador sempre se comportava no papel de pai, professor, amigo e guerreiro e se tornou um dos maiores nomes do vôlei da Paraíba. “Saia daqui parido novamente por esta cidade pela qual você tem feito tanto, no desenvolvimento do esporte e na formação de cidadãos”, referendou Carlão.

Todos os ex-atletas do homenageado que foram à tribuna destacaram suas qualidades como treinador e enfatizaram sua participação na construção do caráter de cada um deles e na formação de suas cidadanias. “João Pereira sempre nos treinou com atenção à ética, à moral, à retidão e nos demostrou a importância de fazer o bem. Preceitos sempre presentes nos seus ensinamentos. Nos ensinou a perder e a ganhar e a nos relacionar da melhor forma com os nossos amigos. Parabéns João Pereira!”, declarou o juiz trabalhista Sérgio Cabral dos Reis.

Em seu discurso, o homenageado fez um breve relato sobre sua trajetória profissional na capital paraibana e agradeceu pela homenagem e pela presença de todos na solenidade. “Não tenho mais palavras depois de tudo que foi dito. Estou muito emocionado. Passa um filme em minha cabeça com todos os eventos vividos nesta cidade. Divido esse título com todos vocês, meus ex-atletas. Garanto a esta cidade que vou continuar dando o melhor de mim. Todos sabem que sou pombalense com muito orgulho, mas hoje também tenho o orgulho de proclamar-me cidadão pessoense. Obrigado por tão importante honraria” discursou João Pereira.

O homenageado

O educador físico João Pereira da Silva, natural da cidade de Pombal, no interior da Paraíba, chegou a João Pessoa em 1978, e é um nome importante para o esporte local, em especial, o voleibol, sendo por diversas vezes treinador da Seleção Paraibana, além de ter contribuído para a formação de centenas de atletas ao longo de todos esses anos. Ele é graduado em Educação Física pelo Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ -1978), e é reconhecido nacionalmente, com o título de ‘Treinador Nível 3 – Confederação Brasileira de Voleibol (CBV)’. Além disso, é treinador da Vila Olímpica Parahyba.

Algumas conquistas de João Pereira da Silva: medalha de bronze do Jogos Escolares da Juventude (2019), em Blumenau-SC; foi vice-campeão do Jogos Escolares Brasileiros (1989), em Brasília-DF; campeão do Campeonato Brasileiro Infanto-Juvenil (1990), em João Pessoa-PB; campeão Mundial Escolar (2017), na Polinésia Francesa; e campeão do Torneio Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP –2018), em São Tomé e Príncipe.

Secom-JP

Postar um comentário

0 Comentários