27 milhões - Prefeito de Sapé descumpre acordo firmado no MP e envia mais um projeto de suplementação à Câmara

 

A pouco mais de um mês que aconteceu todo um reboliço na cidade que gerou crise de instabilidade entre os poderes envolvendo suplementação, a qual precisou da intervenção do Ministério Público para ser resolvida, no município de Sapé a “novela” se repete e o Prefeito pede liberação de mais 27 milhões de reais.

Agora, após liberação de mais de 13,5 milhões de reais no último dia 01 de outubro, o Prefeito Major Sidnei enviou novamente à “Casa de Augusto dos Anjos” um novo projeto de abertura de crédito suplementar, dessa vez com solicitação referente à 20% do orçamento anual total do município, o qual equivale a, mais ou menos, 27 milhões reais.

Deve-se observar o atenuante de que no último dia 23 de setembro, houve uma reunião na Promotoria do Patrimônio Público de Sapé, aonde ficou firmado um acordo e registrado em Ata de que a suplementação do dia 01 de outubro seria mais que suficiente para atender as necessidades da gestão. Na reunião, mediada pela Promotora de Justiça Paula Camilo Amorim, estiveram presentes o gestor municipal, Sidnei Paiva, e o presidente da Câmara, Abraão Júnior, além do presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara, vereador Arquimedes Natércio, e os responsáveis jurídico e contábil dos dois poderes.

Postar um comentário

0 Comentários