Morre mãe baleada na cabeça ao tentar defender filho de atiradores no interior da Paraíba

  Morre neste domingo (05), a mãe que foi baleada três vezes na cabeça ao tentar defender do filho de atiradores no município de Massaranduba, na Paraíba. Maria Graciete Valdevino Teixeira de 55 anos estava internada no Hospital de Trauma de Campina Grande, desde a última terça-feira (31).

De acordo com informações, dois homens armados invadiram a casa da mulher atrás do filho dela que é ex-presidiário. A mulher correu para proteger o filho quando foi atingida pelos disparos.

O filho da vítima, de 30 anos, conseguiu correr até a moto e fugiu do local. 

ClickPB

Postar um comentário

0 Comentários