Ministério Público da Paraíba exige comprovante de vacina e testes em jogos da Seleção

  Ministério Público da Paraíba (MPPB) fez exigências às atletas e ao público convidado para os jogos da Seleção Brasileira contra a Argentina, que devem acontecer nos próximos dias em João Pessoa e Campina Grande

Em resposta ao Portal T5, o procurador de Justiça, Valberto Lira,  informou que o acesso de pessoas aos estádios Amigão, em Campina Grande, e Almeidão, em João Pessoa, só será autorizado mediante apresentação de comprovante vacinal e resultado do teste de Covid-19.

determinação vale para profissionais envolvidos nos jogos, bem como, imprensa e possíveis convidados – sob avaliação.

A conclusão foi obtida após uma reunião realizada nessa terça-feira (14) com a participação de representantes da Secretaria de Estado da Saúde (SES), das Secretarias de Saúde de Campina Grande e João Pessoa, Anvisa, Agevisa e Federação Paraibana de Futebol (FPF). “Para todos, sem exceção, sejam credenciados como os integrantes da imprensa ou seja convidados, não adentrarão ao estádio sem que apresentem certificado de vacinação e teste contra Covid-19”, afirmou.

Ainda segundo Valberto, a reunião tratou de vários pontos. “No primeiro momento, ficou acordado que a Federação, como representante da CBF no estado, apresente a proposta de quantas pessoas pretendem ir a campo. Temos uma série de exigências: como comprovante de vacinação, exames. Além disso, vamos ter algumas outras condicionantes: só haverá um portão aberto para o acesso de quem for autorizado. Deverá haver um cadastramento através da federação, uma leitura ótica desse credenciamento”, pontuou.

Valberto alertou que já comunicou Agevisa e Anvisa para evitar problemas como ocorrido no jogo da seleção masculina em São Paulo. 

O procurador ainda esclareceu que o não cumprimento das determinações pode acarretar na restrição do acesso aos estádios pelos convidados.

Portal T5

Postar um comentário

0 Comentários