Deputado acusado de ter pacto com diabo responde ataque de vereador de Alhandra: “lamentável que um representante do povo falte com respeito”

  O deputado estadual Branco Mendes respondeu aos ataques que sofreu do vereador Jeremias Santos, na Câmara Municipal de Alhandra, na última segunda-feira (16). Ele foi acusado de ter pacto com o diabo durante discurso do vereador que é líder do governo municipal na Câmara.

O vereador relacionou diabo e religiões ao atacar o deputado Branco Mendes e o vereador João Ferreira, conhecido como João Sufoco. “O diabo, que aqui está bem representado por João Ferreira, veio para matar e destruir. A vida dele sabe onde é? No terreiro de Mãe Aruanda, em Timbaúba. Eu aconselho que ele procure a cartomante do amor, Mãe Delamare. De lá, ele procure o terreiro de Pai Baêta, lá na Ilha do Bispo para tirar esse encosto amaldiçoado que ele tem na vida dele. Por fim, procure o templo maior da Igreja Universal do Reino de Deus, na sessão do descarrego”, declarou Jeremias sobre João Sufoco.

Sobre o deputado estadual Branco Mendes (Podemos), Jeremias disse que o parlamentar da Assembleia Legislativa da Paraíba odeia evangélicos. “Entregou a alma ao cão. Odeia evangélicos. O deputado Branco Mendes, quando vereador em Alhandra tomou banho de 20 litros de sangue de bode.”

Confira na íntegra a nota do deputado Branco Mendes em resposta ao vereador:

“O município de Alhandra é plural, com sua representatividade histórica personificada no seu povo. Nos dias de hoje, onde intolerância religiosa é considerada crime, é lamentável que um representante do povo falte com respeito e ridicularize quem quer que seja usando a religião como forma de chacota. Cada cidadão tem direito de escolher e de viver a sua religião, que por sua vez serve para acolhê-lo e orientá-lo. Sou católico, temente a Deus fui criado na igreja católica, mas o meu respeito por todas as religiões é reconhecido por quem me conhece em Alhandra e em toda Paraíba. Os evangélicos sempre tiveram minha admiração e o meu respeito, sendo que durante todos esses anos atuando em Alhandra eu sempre tive uma boa convivência com a Igreja Evangélica, tanto é que faço questão de participar de cultos desde os tempos do Pastor Sebastiao Gabriel, passando pelo Pastor Manoel Pedro, Pastor Manoel Tavares e do Saudoso Pastor Amenou que faleceu recentemente vítima do COVID 19. Além disso, como representante eleito pelo povo, meu dever é ajudar quem precisa, independente de qualquer condição, e é assim que pauto a minha vida, com respeito a todos e todas.”

Click PB

Postar um comentário

0 Comentários