Suspeito de chefiar tráfico de drogas em facção do Rio de Janeiro é preso na Paraíba, diz polícia

  Um homem de 35 anos, suspeito de ser um traficante carioca, foi preso na cidade de Queimadas, no Agreste da Paraíba, dentro de um ônibus, por policiais civis da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), com o apoio da Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar. Ele tem dois mandados de prisão em seu nome, pelos crimes de tráfico de drogas e tentativa de homicídio contra policiais civis do Rio de Janeiro.

A Polícia Civil da Paraíba informou que não vai divulgar o nome do preso.

De acordo com a Polícia Civil paraibana, ele é integrante de uma facção criminosa no Rio de Janeiro e chefia o tráfico de drogas na região de Bancários, na Ilha do Governador.

A prisão foi resultado de uma investigação da Polícia Civil da Paraíba e do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Civil da Paraíba, ele era um dos traficantes mais procurados pela Polícia Civil carioca, ocupando cargos de liderança junto com outros suspeitos cujas identificações já foram repassadas à polícia.

Em contato com a Delegacia do Aeroporto Internacional do Rio (DAIRJ), a polícia paraibana descobriu que o foragido saiu do estado nesta segunda-feira (12), com destino a João Pessoa. Ao passar pelo município de Queimadas, os policiais abordaram o veículo e concretizaram a prisão.

No Rio de Janeiro, segundo a polícia paraibana, ele teria tentado matar policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis e assim passou a ser um dos mais procurados daquele estado.

Conforme o delegado Diego Beltrão, da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco) ele teria vindo para se estabelecer na Paraíba. A polícia investiga quem iria dar abrigar o suspeito na capital paraibana.

Ele foi encaminhado para uma unidade prisional na Paraíba, até que sua escolta para o Rio de Janeiro seja providenciada.

G1PB

Postar um comentário

0 Comentários