Prefeitura reabre Centro de Referência da Pessoa Idosa no Altiplano

  O Centro de Referência Municipal da Pessoa Idosa retomou suas atividades nesta segunda-feira (26), data em que também se comemora o Dia dos Avós. O ato foi marcado por atividade que contou com a presença do prefeito Cícero Lucena e do vice-prefeito Leo Bezerra. O Centro fica localizado no bairro do Altiplano e recebe idosos de toda a Capital para o desenvolvimento de atividades voltadas para a saúde, esporte, lazer e relações sociais.

“A volta à atividade para estas pessoas que estão há tanto tempo em casa se fazia necessária para melhorar sua qualidade de vida. Com dedicação e responsabilidade vamos resgatar o cuidado a esta população que precisa tanto do nosso cuidado”, afirmou o prefeito Cícero Lucena, que esteve acompanhado da primeira-dama Lauremília Lucena.

O vice-prefeito Leo Bezerra destacou o projeto da gestão em ser uma cidade que cuida. “Este é mais um compromisso assumido e realizado com responsabilidade. Sabemos que os idosos precisavam deste local para melhorar suas vidas e nós também precisávamos porque nos faz feliz ver estas pessoas tratadas como merecem”, afirmou.

No total, 1.200 idosos são beneficiados com as atividades do Centro, como explicou o coordenador do espaço, Monsenhor Ednaldo. Neste momento 250 retornarão às atividades, por serem aqueles que apresentaram o cartão de vacina com imunização completa contra Covid-19.

No Centro de Referência Municipal da Pessoa Idosa são oferecidas oficinas de memória, artesanato (crochê e fuxico), jogos de mesa, dinâmicas de grupo, aula de aeróbica, dança, hidroginástica, acompanhamento nutricional e escuta psicológica para idosos - incluindo os que são acompanhados pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Além da retomada das atividades, o intuito da gestão é reforçar o papel do Centro. “Nosso projeto é trazer mais serviços de saúde, de assistência social e fazer deste espaço mais do que um clube, como era conhecido anteriormente, mas um local de real referência para este público”, afirmou o secretário municipal dos Direitos Humanos e Cidadania (Sedhuc), João Corujinha.

A secretária executiva da Sedhuc, Raissa Lacerda falou sobre o trabalho para reabertura. “Este era um espaço que estava abandonado e a primeira orientação do prefeito foi a retomada das atividades de forma remota e, com a reforma que foi realizada, poder fazer o retorno presencial”, destacou.

Uma das beneficiadas é Socorro Roque, de 80 anos, que frequenta o Centro para fazer oficina de memória e ginástica. “Este local não é apenas um Centro para idosos, aqui aprendemos a ter convivência saudável baseada na amizade e no respeito. A gente sai daqui com a certeza de que estamos sendo cuidados. Deixo o meu muito obrigado”, afirmou.

Ainda estiveram presentes no evento o presidente da Câmara Municipal de João (CMJP), Dinho Dowsley; o Monsenhor Jaelson; a promotora de Defesa da Cidadania e dos Direitos Fundamentais de João Pessoa, Sônia Maia; o coordenador do Centro, Monsenhor Ednaldo; e o secretário municipal da Gestão Governamental, Diego Tavares.

Secom JP

Postar um comentário

0 Comentários