Prefeitura de João Pessoa poderá bloquear CPF de quem agendar vacina e se recusar a tomar

  Os moradores de João Pessoa que agendarem a vacina contra covid-19 e se recusarem a tomar o imunizante por conta da marca poderão ter o CPF cancelado, segundo informou o secretário de Saúde, Fábio Rocha.

Esse bloqueio, de acordo com o secretário, pode acontecer por até 60 dias, impedindo a pessoa de realizar um novo agendamento.

”Esse comportamento é inaceitável”, disse Fábio Rocha em entrevista.

Ainda segundo o secretário, caso a pessoa não compareça no dia do agendamento precisa apresentar um atestado médico ou alguma justificativa plausível para que seja liberado o novo agendamento.

PoliticaJP

Postar um comentário

0 Comentários