PRA QUÊ TANTA GASOLINA? TCE julga irregular mais uma licitação da gestão Dedé Romão em Pedras De Fogo

 O Tribunal de Consta do Estado (TCE) publicou, nesta terça-feira (06), julgamento, ocorrido no último de 29 de junho 2021, de recurso do ex-prefeito de Pedras de Fogo, Dedé Romão, que pretendia modificar julgamento do pleno do TCE-PB.

Assim, foi mantida irregular a licitação 01/2019 para aquisição de combustíveis para os veículos locados e do patrimônio da Prefeitura De Pedras De Fogo. Dentre os motivos, a corte entendeu que estavam ausentes justificativas para tamanho quantitativo de veículos.

Dedé vem colecionando derrotas no TCE. Além da licitação, considerada irregular, o Tribunal também reprovou as contas de sua gestão relativas ao exercício financeiro dos anos de 2017 e 2018. Com duas contas rejeitadas, poderá em breve amargar, caso a Câmara de Vereadores mantenha a decisão do TCE, uma inelegibilidade de oito anos.

ExpressoPB

Postar um comentário

0 Comentários