“Esses dias não estou vivendo, estou existindo”, relata Pamella após revelar agressões de DJ Ivis

  Pamella Holanda revelou em entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, detalhes do sofrimento que passou enquanto era casada com DJ Ivis, preso por agredi-la, em Fortaleza. Ela também falou sobre o seu estado mental.

“Fico pensando, como vai ser minha vida quando eu voltar a viver, porque esses dias não estou vivendo, estou existindo”, relatou Pamella.

Segundo Pamella, as agressões começaram logo no começo do relacionamento.
“Quando comecei a morar com ele , ele já começou a me agredir. Começou verbalmente: palavrão, grosserias”, conta Pamella.

A primeira agressão física ocorreu durante a gravidez, disse.

“Eu estava grávida de cinco para seis meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando do corredor até o sofá… teve outras”, declarou.

A jovem relatou ainda uma tentativa de agressão com uma faca, impedida por ação de uma governanta.

“Desci umas 10h, quase 11h para poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora na cozinha. Foi na hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele foi e segurou braço dele”, falou.

O Dia

 

Postar um comentário

0 Comentários