Em 10 meses, empresa que fez a campanha da Prefeita Fofinha já faturou R$ 1 milhão e 100 mil com locação de tendas. Numa licitação ‘arranjada’, vai faturar mais R$ 700 mil este ano

 A empresa Denise Moura do Nascimento - DNA Produções tem sede no pequeno município de São Sebastião de Lagoa de Roça. Chegou em Bayeux no final de 2017 e foi contratada pela prefeitura para fornecer tendas e outros equipamentos para eventos. Seu faturamento foi pequeno: apenas R$ 60 mil.

 

No ano seguinte (2018) a empresa trabalhou o ano todo e faturou R$ 113 mil. Já em 2019, a DNA conseguiu faturar R$ 317 mil. Quando chegou 2020, principalmente nos 4 últimos meses do ano, a empresa foi beneficiada com um faturamento recorde de R$ 700 mil, superior aos  últimos três anos. O que aconteceu? Qual o milagre?

Quem participou da campanha eleitoral do ano passado sabe que todos os eventos realizados pela então prefeita e candidata à reeleição Luciene de Fofinho tiveram o dedo da DNA - Denise Moura do Nascimento. Os responsáveis pela empresa chegavam aos locais dos eventos (reuniões, debates, comemorações, etc) com mesas, cadeiras, grids metálicos, som e tudo mais. Também eram os responsáveis pelos eventos promovidos pela prefeitura. E, analisando-se empenhos e faturas, surgem indícios mais do que veementes de que os eventos de campanha foram pagos com os recursos gastos nos eventos da prefeitura. Eis a explicação para o súbito e vertiginoso aumento do faturamento da empresa en relação aos anos anteriores.

Passada a campanha, a empresa continuou faturando, sem licitação, graças à situação de emergência imposta pela Pandemia de Covid. Já nos cinco meses de 2021, a DNA conseguiu faturar R$ 420 mil e deve chegar ao final do ano beirando R$ 1 milhão.   

Para acobertar a parceria espúria com a empresa, a prefeitura fez uma licitação eivada de vícios e irregularidades, tanto que foi impugnada por 5 dos 7 participantes. Um dos empresários foi enfático ao apontar o comportamento parcial da Comissão de Licitação e do Pregoeiro, na tentativa de desclassificar e eliminar qualquer concorrência.

Outro empresário assegurou que possui print de conversa com um dos responsáveis onde fica claramente anunciada a determinação da Gestão em excluir sua empresa a qualquer custo.

Ao final, a conclusão já era esperada: a DNA - Denise Moura do Nascimento venceu a licitação e assim, continuará a embolsar valores exorbitantes pelo fornecimento de tendas à prefeitura de Bayeux.

Os empresários eliminados pela licitação de araque anunciaram que vão levar a denúncia ao Tribunal de Contas do Estado.

O aluguel dessas tendas colocadas ao lado da Caixa Econômica custa R$ 16.700,00 mensais. A confecção de uma tenda dessas proporções (4m x 4m) custa cerca de R$ 2 mil. Com o dinheiro gasto na locação, poderiam ser confeccionadas 8 tendas por mês.

Postar um comentário

0 Comentários