Brasil e Argentina decidem Copa América neste sábado (10)

  O dia mais aguardado da Copa América 2021 chegou. E de forma especial. Neste sábado (10), o Maracanã recebe nada mais nada menos que o maior confronto do continente e um dos mais importantes do planeta: Brasil x Argentina. O duelo vale o título do torneio de seleções mais antigo do mundo.

A bola rola para a partida entre a Canarinho e a Albiceleste às 21h (horário de Brasília). O SBT inicia a cobertura da finalíssima da Copa América, com todos os detalhes, uma hora antes, a partir das 20h (horário de Brasília). A TV Tambaú exibe toda a partida.

O jogo entre Brasil e Argentina será comandado por Esteban Ostojich, do Uruguai. O árbitro uruguaio será auxiliado pelos compatriotas Carlos Barreiro e Martín Soppi. O experiente Andrés Cunha tomará conta do VAR.

Brasil

Com uma campanha perfeita de cinco vitórias em cinco jogos, o grupo de Tite chega para a decisão sem maiores problemas. A única ausência para a final será o atacante Gabriel Jesus, que cumpre suspensão. O lateral-esquerdo Alex Sandro ainda não está totalmente recuperado de lesão na coxa esquerda, mas reúne condições para ficar no banco de reservas.

Desta forma, o técnico Tite deve repetir a escalação que foi a campo na semifinal. Esta provável equipe que iniciará a partida conta com dois jogadores que ganharam espaço com o treinador durante a disputa da Copa América, o goleiro Ederson e o meia Lucas Paquetá.

O Brasil deve iniciar a decisão continental com o seguinte time: Ederson, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Lucas Paquetá e Fred; Everton Cebolinha, Richarlison e Neymar.

Argentina

Do lado argentino, a decisão que pode selar o fim do jejum de 28 anos se tornou motivo de algumas dúvidas para o técnico Lionel Scaloni. O treinador da Argentina faz mistério nas laterais, principalmente a direita - contra a Colômbia, Molina teve muitos problemas para marcar Luis Díaz. Jogador do River Plate, Gonzalo Montiel briga pela vaga.

Na esquerda, Tagliafico é favorito para ser titular mais uma vez, deixando Acuña no banco. Na dupla de zaga, o zagueiro Cristian Romero tem chances remotas de retornar ao time. O defensor segue com problemas no joelho.

A provável escalação da Argentina para a final da Copa América é: Emiliano Martínez, Molina (Montiel), Pezzella, Otamendi e Tagliafico (Acuña); Guido Rodríguez, Rodrigo De Paul e Lo Celso; Lionel Messi, Lautaro Martínez e Nicolás González. 

Metropoles

Postar um comentário

0 Comentários