Paraíba recebe primeiras doses da vacina Janssen que deve chegar a todos os municípios em até 24h

  Brasil recebe primeiro lote com 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen |  VEJAO secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros comentou a chegada das primeiras doses das vacinas da Janssen à Paraíba nesta quinta-feira (24). Juntamente com os imunizantes da Coronavac e Pfizer, o estado recebeu aproximadamente 140 mil doses. “Pela primeira vez temos a chegada desses imunizantes da Janssen que tem apenas uma dose e é o principal diferencial em relação às outras, além da chegada de Coronavac e Pfizer, que vão permitir a ampliação e celeridade maior na vacinação no estado”, afirmou em entrevista a uma emissora de TV da Capital.

Segundo o secretário, após a chegada das vacinas, os imunizantes passam por um processo de separação minucioso em função do quantitativo de cada dose para os 223 municípios e a partir de amanhã serão distribuídas na logística do governo do Estado com 11 furgões frigoríficos, duas aeronaves e em 24h estarão disponíveis em todos os municípios”, afirmou.

Medeiros destacou que chegaram 1,5 milhão de doses ao Brasil nesta quinta-feira e que amanhã a previsão é que cheguem mais 3 milhões de doses no aeroporto de Viracopos em Campinas, São Paulo. “Essa vacina teria que ser utilizada em um curto espaço de tempo, mas a Anvisa ampliou até agosto a validade e ela será distribuída para os 223 municípios”, disse.

Pouca procura pela segunda dose

O secretário também destacou que é preciso concluir a imunização com as demais vacinas de forma correta e que as pessoas devem procurar tomar a segunda dose. “É preciso compreender que toda vacina tem margem amplitude de proteção, não existe nenhuma 100% eficaz. As quatro vacinas disponíveis são seguras, têm eficácia e tem efetividade. Qualquer uma delas representa uma grande proteção e todas elas têm eventos adversos, geralmente leves. Os graves são raríssimos. Por isso todo mundo tem que se vacinar, o risco maior é quem não se vacina”, destacou.

Cidades vacinadas

Baia da Traição e Marcação já alcançaram a meta de 95% da população vacinada e receberam prêmio do governo do estado, Medeiros o desempenho dos profissionais de saúde e do prêmio que o governador João Azevêdo determinou de R$ 3 mil para cada equipe de vacinação. “Os 20 primeiros munícipios que vacinarem percentualmente a segunda dose serão contemplados com esse incentivo”, explicou.

Secom PB

Postar um comentário

0 Comentários