É DE BÔLO: Depois de pagar dívida de Berg Lima, prefeita Luciene paga mais R$ 200 mil sem licitação à mesma empresa

 Graças à impunidade, confiando na omissão da Câmara Municipal, na ineficiência do TCE e na lentidão da Justiça, o casal Fofinho (Luciene, prefeita de direito e seu marido Misael, prefeito de fato), continua a rasgar o dinheiro público, fazendo pagamentos suspeitos, inclusive a empresas com alerta do Tribunal de Contas.

É o caso da Construtora RDS, que recebeu cerca de R$ 200 mil em abril, por uma dívida deixada por Berg Lima. O TCE advertiu que não fosse efetuado nenhum pagamento porque a licitação havia sido irregular. O próprio Ministério Público Estadual denunciou a fraude. Mesmo assim, os Fofinhos pagaram.

Agora em junho, a mesma empresa recebeu a bagatela de R$ 198.000,00, por supostos servipos de tapa-buracos. O problema é que não houve licitação. Consta no próprio empenho: INEXIGIBILIDADE. 

Ou seja, uma empresa que já foi flagrada em licitação fraudulenta, denunciada pelo Ministério Público e pelo Tribunal de Contas, e mesmo assim continua sem licitação e recebendo grana alta.

Os comentário dentro da própria Gestão, de gente do alto escalão, é que a propina está rolando solta.

Postar um comentário

0 Comentários