Doria anuncia que quer ser candidato à presidência em 2022 mas é derrotado no PSDB

  Na tarde desta segunda-feira (14), o governado de São Paulo, João Doria, anunciou que vai disputar as prévias do partido, no intuito de ser o candidato do PSDB à presidência da República em 2022.

"Vamos disputar as prévias, respeitando todos os candidatos. Mas vamos trabalhar pra vencer. E somar forças com todos para fortalecer a candidatura do PSDB. E ajudar o Brasil", disse Doria à Folha.
 
No entanto, o que Doria não esperava era que o PSDB não estaria à mercê de seus planos e frustrou as expectativas do governador paulista.
Hoje (16), a Executiva Nacional do PSDB definiu, as regras para a escolha do candidato do partido à Presidência da República. A decisão pelo nome do partido ao posto de chefe do Executivo se dará pelo voto de quatro grupos, com peso unitário de 25% cada.
 
O PSDB decidiu por 20 votos a 11, que as prévias presidenciais do partido serão por eleição indireta, com 25% de peso para filiados e 75% para mandatários.
 
A decisão do partido foi uma verdadeira derrota para Doria. O governador tucano queria que a proporção fosse de 50% para filiados e 50% para mandatários. Seus aliados sugeriram, como meio termo, 35% a 65%, proposta que perdeu na votação.
 
Doria perdendo até dentro de seu próprio partido e quer ser presidente...
 
Bandeira Viva

Postar um comentário

0 Comentários