João anuncia prioridade no PNI da vacinação de trabalhadores da Educação

 O governador João Azevêdo (Cidadania) anunciou nas redes sociais, na noite dessa quinta-feira (27), a aprovação da vacinação de trabalhadores da Educação como prioritários no Plano Nacional e Imunizações (PNI). A imunização da categoria havia começado em João Pessoa, mas foi interrompida por ações do Ministério Público que pediam que fosse seguido o PNI. Com a inserção da categoria como prioritária, acaba a disputa.

Veja a publicação

O secretário municipal de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha, comemorou a notícia. “Não é momento de fazer graça em cima de uma categoria que todos dependemos dela para viver. O governo tomou essa decisão que atinge quase todos os municípios, menos João Pessoa e Cabedelo que vai precisa passar por uma reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) para ter essa autorização. “Teremos que esperar a decisão do TRF em Recife ou do STF para a vacina ser dinamizada o mais rápido possível e não ser motivo de disputa”, disse em entrevista ao programa Tribuna Livre da TV Arapuan, nesta sexta-feira (28).

“Temos que vacinar vacinar para evitar uti cheias, evitar perda de vida. Não vai ser com vacina que vai deixar de usar mascara, ela vai fazer parte da nossa rotina. Não pode aglomerar, mesmo com vacina, porque tem as variantes e a vacina não dá segurança que você não vai se contaminar, apenas que não vai complicar, mas ainda pode transmitir”, alerta.

Portal Paraíba

Postar um comentário

0 Comentários