SEMMA inspeciona Rio Paraíba para verificar incidência de lixo que atingiu litoral paraibano

 


A Secretaria de Meio Ambiente de Santa Rita (SEMMA) realizou na manhã desta segunda-feira (26) uma inspeção no estuário do Rio Paraíba, no trecho do município, para verificar a incidência do lixo advindo do mar que tem alcançado diversas praias dos estados da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

Por conta disso, os órgãos ambientais dos municípios litorâneos, em conjunto com o governo estadual, têm unido esforços para identificar a origem e o alcance dos resíduos. O objetivo da vistoria da SEMMA foi detectar se havia no município sinais do mesmo lixo que atingiu outras áreas litorâneas do Estado.

Conforme noticiado na imprensa, toneladas de lixo já foram sido recolhidas em praias nos dois estados. Entre os materiais, seringas, tubos para coleta de sangue, documentos, restos de roupas e sapatos.

A equipe da SEMMA conversou com moradores, pescadores e comerciantes locais, mas não houve relatos de nenhuma ocorrência atípica de aparecimento de resíduos flutuantes na água ou na areia na região. Pela influência marinha, as localidades de Ribeira e Forte Velho são berçários naturais para reprodução de várias espécies de peixes e crustáceos.

“A presença de lixo em ambiente como este causa alteração da água e dispersão de substâncias nocivas aos animais e à natureza, diminuindo a produtividade das espécies, contribuindo para que estas desapareçam. Isso coloca em risco a própria subsistência das comunidades ribeirinhas que dependem da pesca para sobreviver”, afirmou a secretária Andrea Santos ao justificar a preocupação da SEMMA.

Postar um comentário

0 Comentários