ALPB aprova voto de pesar pela morte de pai do jornalista Marcos Wéric

 

A Assembleia Legislativa da Paraiba (ALPB) aprovou, na sessão ordinária desta terça-feira, 6, voto de pesar pela morte do servidor público Marcos da Nóbrega Leite Cavalcanti, pai do jornalista e diretor de Comunicação da Casa Epitácio Pessoa, Marcos Wéric.

A propositura foi do presidente da ALPB, deputado estadual Adriano Galdino, que lamentou a morte do servidor e se solidarizou com seu auxiliar e sua família.

Marcos Leite chegou a vencer a COVID-19, mas uma infecção secundária atacou fortemente os pulmões, o que levou a morte na madrugada do último sábado (03).

Ele era natural da cidade de Boa Ventura, localizada no Vale do Piancó, Sertão paraibano, e tinha 62 anos.

O jornalista Marcos Wéric agradeceu ao presidente Adriano Galdino e aos demais deputados pelo gesto e pelas mensagens de solidariedade. Ele aproveitou para reforçar o apelo para que os paraibanos tomem os devidos cuidados para evitar o contágio. “Se puder fique em casa o máximo possível, se precisar sair tomem todos os cuidados. Essa doença, além de tudo, tem se mostrado muito traiçoeira nessa nova fase”, destacou.

Diário da Paraíba 

Postar um comentário

0 Comentários