DECRETO: Prefeito de Cabedelo defini atividades religiosas como “essencial” e permite reabertura dos templos

  O prefeito de Cabedelo, Vitor Hugo, assinou um decreto que define as atividades religiosas na cidade como essencial, devendo permanecer abertas em todo tempo, o que, na prática, abre caminho para o retorno de cultos e missas na cidade. 

As atividade devém respeitar algumas regras como o limite de 30% de presença de fiéis nos templos.

Postar um comentário

0 Comentários