QUEIMA DE ARQUIVO: Mulher testemunha de crime é assassinada a tiros em Cajazeiras

 Francisca Joelma Dias Rolim, 40 anos, foi a primeira mulher assassinada este ano na Paraíba. O crime aconteceu no fim da noite dessa segunda-feira (4). De acordo com a Polícia Militar (PM), a moradora do município de Cajazeiras, no Sertão, era testemunha de outro crime, que aconteceu no último domingo (3), na casa onde vivia. 

O assassinato aconteceu na Rua Pedro Rolim. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas a vítima já estava sem vida.

O crime que tirou a vida de Francisca Joelma aconteceu após a prisão de dois suspeitos do assassinato de Salviano de Araújo, conhecido como “Viana”. O homem foi morto na manhã de domingo, dentro da casa de Francisca. 

Segundo o delegado Glauber Fontes, dois homens foram presos por terem participação no crime. “Um dos suspeitos foi preso pela Polícia Militar e o outro, pela Polícia Civil. Esse trabalho integrado vem dando um resultado muito positivo e o suporte necessário para que a população possa ser atendida com mais eficácia pelas forças policiais”, enfatizou.

A Polícia Civil investiga os crimes.

Portal T5

Postar um comentário

0 Comentários