Em meio à pandemia, Prefeito de Cabedelo destina mais de R$ 3 milhões para construção de nova sede da Câmara Municipal e gera indignação

 Em meio a maior crise sanitária do século e diante de tantas necessidades da população, o prefeito de Cabedelo, Vítor Hugo (DEM), decidiu alterar a lei orçamentária, aprovada em dezembro do ano passado, com a finalidade de destinar R$ 3,1 milhões para construção de uma nova sede para Câmara Municipal e aquisição de veículos. A decisão está gerando polêmica na cidade e lideranças prometem denunciar a prefeitura aos órgãos de fiscalização.

O detalhe é que, há pouco meses, a Câmara realizou uma reforma no prédio e alugou espaço com mais estrutura para abrigar os vereadores, gerando mais gastos para o município. “Com três milhões a gente poderia investir na saúde, na habitação, num Centro de Reabilitação para pessoas com deficiência, ajudar os comerciantes que perderam renda na pandemia. Mas, em Cabedelo, três milhões está sendo priorizado para a câmara construir uma nova sede. Câmara essa que passou há pouco tempo por uma reforma e gastou mais de R$ 300 mil”, criticou o vereador Herlon Cabral.

 

Postar um comentário

0 Comentários