Incêndio na UTI mata nove pacientes com Covid-19 na Turquia

  Um incêndio em um hospital em Gaziantep, no sudeste da Turquia, deixou nove mortos neste sábado (19). Todas as vítimas estavam hospitalizadas na ala reservada aos pacientes com a forma grave da Covid-19, segundo o Ministro da Saúde turco.

© REUTERS - STRINGER

O incêndio ocorreu na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Universitário de Sanko, após a explosão de um cilindro de oxigênio que alimentava um aparelho de respiração mecânica. Os demais pacientes afetados pelo fogo foram transferidos para outros hospitais da região.

O ministro da Saúde turco, Fahrettin Koca, deve visitar o local durante o dia. "Estamos profundamente tristes com este acontecimento trágico", declarou o ministro.

A Turquia registra cerca de 1,9 milhão de casos da Covid-19 e mais de 17.600 mortes causadas pela infecção, desde o início da epidemia. No final de novembro, diante de um aumento repentino do número de infectados, o governo reforçou as restrições com a introdução de um toque de recolher total durante o fim de semana e parcial durante a semana.

Com informações da AFP

Postar um comentário

0 Comentários