PSL já gastou R$ 688 mil com advogados na eleição

 


O Diretório Estadual do PSL, na Paraíba, e os 361 candidatos (entre prefeito e vereador), nas eleições municipais deste ano, não devem ficar desassistidos se o assunto for referente a serviços advocatícios.

Dados do Sistema de Divulgação de Candidatura (Divulgacand), do Tribunal Superior Eleitoral, mostra que o Diretório Estadual gastou, até agora, mais de meio milhão de reais com nove advogados por serviços jurídicos. O valor total é de R$ 688 mil. 

Comandado pelo deputado federal Julian Lemos, o partido recebeu R$ 5.250.000,00 do fundo eleitoral para a campanha em todo o Estado. Em João Pessoa, Capital e maior colégio eleitoral da Paraíba, o PSL apoia o candidato a prefeito João Almeida, do Solidariedade, indicando o vice, Carlisson Figueiredo.

Os valores impressionam. O Diretório Estadual do Progressistas, por exemplo, gastou apenas R$ 100 mil. Já o Cidadania, partido do governador João Azevêdo, R$ 2 mil. Quando se trata de Diretórios Municipais, em João Pessoa, dos 14 partidos na disputa, apenas o PP prestou contas de R$ 40 mil com serviços advocatícios. Os demais não têm prestação de contas em relação a esse serviço.

Com informações do Blog Sony Lacerda

Postar um comentário

0 Comentários