Prefeitura de Bayeux continua vacinação contra poliomielite e outras doenças

 A Prefeitura de Bayeux, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, continua a vacinação contra a poliomielite, mesmo com o fim da campanha. As doses estão disponíveis nas 30 unidades de saúde do município. Além da pólio, outras vacinas para crianças e adultos também estão sendo ofertadas para a população.

Devem receber a vacina contra a poliomielite – a famosa gotinha – todas as crianças com idade entre um e cinco anos incompletos, mesmo que já tenham tomado as doses de rotina contra a doença.

A coordenadora de Vigilância em Saúde de Bayeux, Vanessa Silva, orienta a comunidade para buscar as unidades de saúde e vacinar seus filhos. Ela explicou que mesmo após o fim da Campanha Nacional de Multivacinação, todas as vacinas dos calendários de imunização da criança e do adolescente continuam sendo oferecidas.

“Nossas 30 unidades de saúde estão equipadas com todas as vacinas do calendário do Ministério da Saúde. É fundamental as mães e os pais levaram seus filhos para tomar a vacina da pólio já que evita a paralisia infantil. Também temos vacinas para outras doenças. Os adultos também devem atualizar as vacinas”, explicou a coordenadora.

As unidades atendem as normas sanitárias de combate à Covid-19 e seguem os protocolos. Crianças de zero a 15 anos devem ser levadas aos postos para colocar a caderneta em dia. Os responsáveis devem levar a caderneta de vacina e o cartão do SUS. Caso não tenha a caderneta, ninguém ficará sem vacinação.

As vacinas

O grupo alvo da vacinação contra a poliomielite são as crianças menores de 5 anos de idade, com estratégias diferenciadas para as crianças menores de um ano e para aquelas na faixa etária de 1 a 4 anos de idade. Já a da multivanicação, o público-alvo são as crianças e adolescentes menores de 15 anos. Para esta última, são ofertadas todas as vacinas do calendário básico de vacinação da criança e do adolescente visando diminuir o risco de transmissão de enfermidades imunopreveníveis e reduzir as taxas de abandono do esquema vacinal.

Poliomielite

A poliomielite também chamada de paralisia infantil, pólio ou ainda doença de Heine-Medin é uma infecção viral aguda causada por um dos três poliovírus existentes. É uma doença contagiosa, que ataca o sistema neurológico afetando o corpo inteiro podendo causar paralisia dos movimentos musculares. É caracterizada clinicamente por paralisias resultantes do comprometimento do neurônio motor periférico, de tipo infeccioso, causadas por vírus específicos. Introduzido no organismo por diferentes vias, o vírus é eliminado pelas fezes.

Uma criança pode pegar poliomielite através do contato direto, isto é, tendo contato com outra criança infectada pela doença ou através do contato indireto, isto é, através da água, alimentos, picadas de insetos e etc. Presente no organismo o vírus se prolifera na submucosa do intestino ou faringe alcançando logo após a corrente circulatória espalhando-se por todo o organismo. O período de incubação desta doença leva de 3 a 35 dias. Em geral a doença se manifesta próximo ao 10 dia após ter contraído o vírus.

Assessoria

Postar um comentário

0 Comentários