Desesperado para arrancar votos do MDB, Cartaxo nomeia ex-secretário de Berg Lima para a gestão

 

Desesperado para tirar Nilvan Ferreira do 2° turno, Luciano Cartaxo está investindo no varejo. O prefeito acaba de nomear Dihego Amaranto, ex-secretário de Berg Lima para a gestão. O problema é que Dihêgo não tem meia dúzia de votos, o que confirma o desespero de Cartaxo, que tenta a todo custo desidratar o MDB.

Mas como resposta, o partido de Nilvan Ferreira acaba de expulsar Dihego Amaranto. Palmas para Cartaxo, que acaba de ganhar 6 votos e um ex-secretário de Berg Lima, o ex-prefeito de Bayeux que foi preso com dinheiro na cueca.

Dihego Amaranto já foi auxiliar de Cartaxo, mas ao ser demitido, soltou uma indireta para o prefeito:

“Agradeço a indicação do meu partido, o PMDB, na pessoa do Senador José Maranhão, que tem um histórico de 60 anos de vida pública limpa e honrada, diferente de muitos”.

 

Postar um comentário

0 Comentários