Cantora Vanusa morre, aos 73 anos, em São Paulo

 Após uma série de internações por problemas de saúde, morreu na manhã deste domingo (8) a cantora Vanusa, aos 73 anos. Ela estava internada em uma casa de repouso em Santos, litoral paulista, e é possível que a causa da morte tenha sido insuficiência respiratória. As informações são do G1.

Por volta das 5h30 da manhã um profissional da casa percebeu que a cantora estava sem batimentos cardíacos. O socorro foi chamado imediatamente e constatou, preliminarmente, óbito por insuficiência respiratória.

A artista passou por internações em setembro e outubro. Ela permaneceu no complexo hospitalar dos estivadores, também em Santos, no litoral de São Paulo, apresentando quadro grave de pneumonia.

Os funcionários da casa de repouso relataram que neste sábado (7), Amanda, uma das filhas da cantora, chegou a visitá-la. Rafael Vanucci, filho de Vanusa, segue para São Paulo a fim de tratar da organização do sepultamento, segundo a assessoria.

A cantora era natural de Cruzeiro, em São Paulo, mas foi criada em Uberaba, Minas Gerais. Ela nasceu em 1947, tem 20 discos lançados ao longo da carreira e mais de 3 milhões de cópias vendidas. A canção mais famosa da cantora é 'Manhãs de Setembro', lançada nos anos 70.

G1

Postar um comentário

0 Comentários