Veículo da campanha de Lucas Romão é pego com arma irregular, R$ 5 mil e santinhos; candidato e a esposa estavam no carro

 A eleição em Pedras de Fogo continua animada e começa a ganhar contornos de filme de ação. A cada semana uma história mais absurda do que a outra. No último domingo, 25, a Polícia Militar apreendeu um arma de fogo, R$ 5 mil e santinhos do candidato a prefeito Lucas Romão.

Segundo informações exclusivas, em uma blitz realizada pela Polícia Militar da Paraíba, o Jeep Renegade de placas RFJ4A22, locado para a campanha de Lucas, foi abordado por volta das 15h. No interior do veículo foram encontrados R$ 4.800,00 (Quatro Mil e Oitocentos Reais), vários “santinhos” da campanha de Lucas, e um revólver calibre 38 irregular, com duas cápsulas deflagradas.

O dono do revólver, seria o Terceiro Sargento da Polícia Militar de Pernambuco, Mizael Ferreira Pequeno, que portava irregularmente a arma, foi preso em flagrante e levado para a delegacia de Alhandra; onde pagou fiança e foi liberado. No momento da abordagem estavam no interior do veículo, além de Lucas Romão, sua esposa, e o PM Mizael, o assessor do candidato, de nome Rodolfo Pimentel.

Não custa relembrar que Lucas Romão e o atual presidente da Câmara de Pedras de Fogo, Alisson Celestino (conhecido como Ninho da Mangueira) já foram denunciados pelo Ministério Público Eleitoral por suposta compra de apoio político com motos. A Ação Penal Eleitoral tramita sob o nº 0600069-24.2020.6.15.0044.

Politika

Postar um comentário

0 Comentários