PROCON BAYEUX MULTA BANCO DO NORDESTE EM 35 MIL REAIS POR DESCUMPRIR PRORROGAÇÃO DE PARCELAS DO CRED AMIGO DURANTE A PANDEMIA

 

O PROCON BAYEUX aplicou multa de 35 mil reais ao Banco do Nordeste por descumprir compromisso de não cobrar juros e multas de parcelas do CRED AMIGO durante a pandemia.

Uma consumidora procurou o PROCON BAYEUX, relatando que, em 2019, havia aderido ao programa CRED AMIGO do Banco do Nordeste e que foi informada que, durante a pandemia, poderia fazer o adiamento das parcelas sem nenhum encargo, juro ou adição de mora, no que foi aceito, sendo suspenso o pagamento das parcelas até setembro.

Acontece que, quando a consumidora compareceu ao banco para retomar os pagamentos, foi surpreendida com a cobrança de elevados juros, impactando sobremaneira suas finanças.

Segundo o secretário do PROCON, advogado Aécio Farias, ficou demonstrada a inexiste de clareza de informações sobre a operação realizada e que, além disso, estaria caracterizado o desvio produtivo do Consumidor, teoria recentemente adotada pelo Superior Tribunal de Justiça.

Redação

Postar um comentário

0 Comentários