Homem apontado como chefe de quadrilha criminosa, se suicida em presídio no Sertão

  O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), bem como a Polícia Militar da cidade de Cajazeiras, no Sertão paraibano, foram acionados na madrugada desta quarta-feira (28), para comparecer no Presídio Padrão de Cajazeiras, onde segundo informações detentos de uma cela informaram aos policiais penais de plantão, que o detento identificado como Thiago dos Santos Monte, vulgo “Tiago vaqueiro ou Thiago da Mãe D’água” de 35 anos, teria cometido suicídio.

Diante das informações, os policiais e os socorristas do SAMU foram até local e constataram a veracidade do fato, encontrando o corpo da vítima no interior de uma cela, pendurado com uma corda no pescoço. Em seguida, o corpo foi encaminhado ao IML de Cajazeiras, para ser realizado o exame cadavérico.

Ainda conforme informações, “Thiago vaqueiro” é apontado como chefe de um bando que deixou a cidade de Sousa em clima de terror por vários meses, cometendo crimes em residências e estabelecimentos comerciais, onde seus comparsas utilizavam sempre de graves ameaças, violência física e psicológica, e até disparos de armas de fogo.

No mês passado, Thiago dos Santos Monte havia se apresentado na delegacia de Polícia Civil de Sousa, acompanhado de seu advogado de defesa, onde após ser ouvido por um delegado, foi recambiado à Colônia Penal do Sertão em Sousa e permanece à disposição da Justiça.

Postar um comentário

0 Comentários