Acusados de matar Sebastian Coutinho são condenados pelo Tribunal do Juri em CG

 O 2º Tribunal do Júri de Campina Grande, condenou na tarde desta segunda-feira, 26, os réus José Ailton Soares Gomes e Jamerson Sousa Silva, os quais foram pronunciados nas penas do artigo 121, §2º, incisos I, IV e V do Código Penal, pelo assassinato com arma de fogo de Sebastian Ribeiro Coutinho, fato ocorrido em 29/07/2013.

De acordo com a denúncia, o homicídio teria sido motivado por vingança, em razão de um roubo do qual a vítima, supostamente, teria participado. Já a mãe do ofendido, ao prestar depoimento em Juízo, afirmou que o delito que vitimou seu filho teve motivação política.

Suscitou que os mandantes foram determinadas pessoas que possuem forte influência política na cidade de Queimadas, e que estão ligadas a práticas de diversos outros crimes, bem como apontou a participação de policiais e até mesmo de autoridades estaduais.

Ailton Kabatan foi condenado a 20 anos de reclusão, e Jamerson, conhecido como "Neguinho dente de ouro", foi condenado a cumprir 19 anos de prisão. Além do julgamento dos executores, foram indiciados os possíveis mandantes do crime.

Familiares e amigos de Sebastian Coutinho, comemoraram a condenação e pediram punição igual aos mandantes.

Por Aguinaldo Mota

Postar um comentário

0 Comentários