Com assistência de 12 profissionais, mulher dá a luz quadrigêmeos em hospital de João Pessoa

Os quatros bebês nasceram com ajuda de 12 profissionais de saúde, sendo duas obstetras e quatro pediatras.
[caption id="" align="alignnone" width="876"]Os bebês nasceram na noite da última terça-feira (Foto: Reprodução)[/caption]
Uma mulher deu à luz a quadrigêmeos na noite da última terça-feira (15), no Hospital da Unimed em João Pessoa. Os quatros bebês nasceram com ajuda de 12 profissionais de saúde, sendo duas obstetras e quatro pediatras.

Shimeny ficou internada durante 30 dias antes do parto, pois na 25ª semana de gestação ela começou a sentir contrações.

Ester, Leonardo, Davi e Beatriz nasceram de 30 semanas. A mãe Shimeny Lima passa bem. Ela recebe alta nesta sexta-feira (18), porém os bebês permanecem internados no Hospital. Karina Azevedo, médica obstetra de Shimeny disse que para a idade gestacional e por serem quadrigêmeos, o estado de saúde deles é considerado favorável.
Shimeny Lima e Manoel Dantas já são pais de dois meninos.

ESTRUTURA
Referência em procedimentos de alta complexidade, o Hospital Alberto Urquiza Wanderley tem dois certificados de qualidade – a Acreditação Internacional Qmentum e a Acreditação com Excelência (o mais alto nível nacional – que atestam a segurança oferecida aos pacientes. “Nós seguimos todas as recomendações da Organização Mundial de Saúde e Ministério da Saúde para sermos um local seguro, mesmo diante de uma pandemia. Além disso, contamos com uma equipe médica e multidisciplinar capacitada”, comentou o ginecologista e coordenador médico da Maternidade do hospital, Marcelo Tissiani.

Ele lembrou ainda que o Alberto Urquiza é completo para o atendimento a casos de gestação de alta complexidade, tendo unidade de tratamento intensivo para a mãe e para os bebês. “Ginecologistas, obstetras, neonatologistas, anestesistas... Toda a equipe está preparada para partos de alto risco”, explicou. No caso dos quadrigêmeos, Marcelo Tissiani explicou que o hospital esteve sempre em alerta para recebê-los. A partir do momento da internação, equipes ficaram de sobreaviso, esperando o parto.

QUÍNTUPLOS
Este não é o primeiro caso de gestação com mais de três crianças que o Alberto Urquiza recebe. Em 2003, nasceram quíntuplos, um caso raro na medicina em todo mundo. Os cinco bebês nasceram com saúde.

Um dos médicos que participou do parto dos quíntuplos foi o anestesiologista Laércio Ataíde, membro do Conselho de Administração (Conad) da Unimed João Pessoa. “Eu me senti muito seguro naquela época em fazer um procedimento desta complexidade. Foi um sucesso total. A mãe e os cinco bebês saíram muito bem do hospital. Hoje, a segurança para todos os procedimentos realizados no hospital continua se aprimorando”, disse.

ClickPB

Postar um comentário

0 Comentários