Executiva estadual do PL dissolve partido em Bayeux e vereadores podem ficar sem legenda na próxima eleição

O presidente estadual do PL acaba de dissolver a comissão provisória do partido e com isso, os vereadores Cabo Rubem, Dedeta, Adriano do Táxi, Uédson Orelha, França e Guedes correm o iminente risco de ficarem sem legenda para disputar as próximas eleições.

Anteriormente liderado por aliados do ex-prefeito Berg Lima, o Partido Liberal dever vivenciar novos tempos, sem pessoas ligadas ao ex-gestor em seu comando.


Canal do Povo

Postar um comentário

0 Comentários