ELEIÇÕES 2020: Persona non grata?

O atual deputado federal Ruy Carneiro (PSDB), iniciou sua trajetória política em meados dos anos 90, na câmara municipal de João Pessoa, sendo fiel ao projeto político do ex-prefeito Cícero Lucena e recompensado pela oportunidade de suceder e dar continuidade ao projeto tucano na capital Paraibana (2004), não obtendo êxito.

Com o transcorrer do tempo e de processos judiciais suportados pelo ex-senador Cícero Lucena, sua posição de liderança estadual no tucanato foi ruindo aos poucos e perdendo cada vez mais apoio dentro da legenda, até chegar numa eleição municipal em 2012 totalmente isolado pelo partido e sendo preterido na sucessão de 2014, numa posição reeleição para o senado.

Ruy, por sua vez, seguiu caminho próprio, obteve mandatos de deputado estadual e federal, chegou a disputar a vaga de vice governador na chapa de CCL em 2014, foi eleito deputado federal em 2018 e começou a rivalizar com o clã Lucena, na liderança dos tucanos na capital, destronando Lauremilia Lucena da presidência do partido na capital em maio de 2019.

A partir daí, a disputa interna para a vaga de prefeitável foi acirrada, o atual deputado federal não foi tão cordial com o clã Lucena e não abriu mão de sua postulação em face do ex-senador, esqueceu o passado, levando com isso a filiação do Cícero Lucena nos quadros do Progressistas.

Será que num eventual segundo turno, poderia haver a união entre os “antigos aliados” Ruy Carneiro e Cícero Lucena?

Postar um comentário

0 Comentários