Ex-prefeita de Conde Tatiana Lundgren está cadastrada para receber auxílio emergencial

A ex-prefeita de Conde Tatiana Lundgren Côrrea está cadastrada para receber o auxílio emergencial do governo federal para auxiliar desempregados e microempreendedores durante a pandemia no país. Ela recebeu a primeira parcela de R$ 600 em maio, o que indica que seu benefício foi aprovado após o início do programa, em abril deste ano.

Tatiana declarou nas eleições municipais de 2016 que possuía, no mínimo, bens que somavam R$ 280 mil.

Há suspeitas de que Tatiana não cumpre os requisitos para ter direito ao benefício.

De acordo com a Receita Federal, em 2019, a ex-prefeita de Conde, que pretende lançar um novo nome à prefeitura nas eleições 2020, declarou seu imposto de renda. No ano passado, contribuintes com rendimentos acima de R$ 28,5 mil teriam obrigação de declarar os impostos. Ainda conforme dados da Fazenda nacional, ela já declarou mais uma vez os impostos neste ano.

Possíveis milhões

O Ministério Público da Paraíba denunciou, em 2018, a ex-prefeita do Conde, Tatiana Lundgren Correa de Oliveira, e mais 10 pessoas por promoverem, constituírem e integrarem uma organização criminosa, que atuou no município entre os anos de 2013 e 2016.

O órgão ministerial também pediu à Justiça o sequestro de R$ 27 milhões, que teriam sido desviados dos cofres públicos pelo grupo. O pedido foi deferido, na semana passada.

A ex-prefeita também já foi denunciada várias vezes por suspeitas de enriquecimento ilícito.

A Fonte com Paraíbajá

Postar um comentário

0 Comentários