Influencers são criticadas por fazer posts sexy em zonas de exclusão de Chernobyl

Um grupo de influenciadoras digitais e fãs da série ‘Chernobyl’ estão sendo alvo de críticas nas redes sociais por divulgarem em suas contas no Instagram e no Twitter fotos em que protagonizam ensaios sensuais nas zonas em que ocorreram a tragédia nuclear que resultou na morte de mais de 4 mil pessoas - segundo dados oficiais.
Nos registros que causaram polêmica nas redes, modelos com milhares de seguidores posam em meio a prédios e construções abandonados, em meio a ruínas de parques de diversão e piscinas quebradas.

Uma das fotos é inclusive dentro de um laboratório semelhante aos da usina mostrada na série.

Em meio às várias críticas feitas às influenciadoras, a maior parte delas chama as moelos de insensíveis e desrespeitosas com as várias vítimas do acidente nuclear.

Criador e roteirista da série, o cineasta e produtor Craig Mazin utilizou a conta dele no Twitter para lamentar as atitudes das influenciadoras.

“É maravilhoso que ‘Chernobyl’ tenha inspirado uma onda de turistas à Zona de Exclusão. Mas sim, eu vi as fotos que estão circulando”, escreveu Mazin. “Se você for visitar, por favor, lembre que uma tragédia terrível ocorreu lá. Comportem-se com respeito àqueles que sofreram e foram sacrificados”, finalizou.

Um dos maiores sucessos recentes do canal HBO, ‘Chernobyl’ foi enorme sucesso de crítica e vem sendo apontada como candidata potencial a vários troféus na temporada de premiações de 2020.


Revista Monet

Postar um comentário

0 Comentários